Conheça o Low Code, o acelerador de desenvolvedores
15 de outubro de 2021
O tema do artigo de hoje é polêmico e costuma despertar 2 tipos de reações entre profissionais de TI. Enquanto uns encaram o low code como um problema, outros enxergam uma solução. Ele pode ser visto como o grande rival dos desenvolvedores. Aquele que tem a capacidade de substituir a mão de obra humana, oferecendo […]
low code

O tema do artigo de hoje é polêmico e costuma despertar 2 tipos de reações entre profissionais de TI. Enquanto uns encaram o low code como um problema, outros enxergam uma solução.

Ele pode ser visto como o grande rival dos desenvolvedores. Aquele que tem a capacidade de substituir a mão de obra humana, oferecendo resultados consideravelmente superiores. Ou, em alguns casos, a metodologia é vista como aliada, facilitando o que já é realizado, mantendo e valorizando o profissional que está por trás da codificação.

Continue com a leitura para descobrir qual das opiniões pode melhor se encaixar à sua realidade e porque as empresas têm procurado cada vez mais por plataformas low code.

O que é Low Code?

De maneira resumida, é possível identificar o low code como um tipo de metodologia focada na criação de aplicativos e softwares que utilizam um número consideravelmente menor de codificação durante todo o seu desenvolvimento.

É muito mais do que um “arrasta e solta”, já que promove celeridade nos processos e é um grande aliado dos desenvolvedores, que passam a ter mais tempo para focar em outros projetos.

O Low Code vai substituir o trabalho dos desenvolvedores?

low code

Apesar da metodologia low code ser interpretada por muitos profissionais como um inimigo do desenvolvedor, a realidade é bem diferente.

Se um profissional de TI depende de uma maior codificação para desenvolver seus projetos, ele consequentemente investe mais tempo e depende de uma certa priorização durante o processo.

Afinal, quanto maior for a demanda de código, maiores serão os problemas relacionados. 

Isso ocorre, pois cada linha de código tem que ser escrita, testada, depurada, implantada em produção etc. Assim, quanto menos codificação, menor será a proporção de problemas possíveis.

Esse nível de dedicação, somado aos contratempos que podem ocorrer, acabam gerando atraso nas entregas, e consequentemente, resultados limitados.

Por isso, o low code deve ser considerado um aliado dos desenvolvedores, pois promove a aceleração desse processo, aumentando o valor comercial da TI e a simplificação do trabalho, ao mesmo tempo que permite a utilização manual do código quando necessário.

Entre as vantagens que a metodologia traz aos desenvolvedores, é possível destacar:

  • Entrega em menor tempo de aplicativos e softwares.
  • Aceleração na tomada de decisões.
  • Aumento da produtividade para profissionais com maior experiência.
  • Melhora na produtividade de profissionais com menor experiência.

 

Por que a utilização para plataformas de low code está aumentando entre as empresas?

A maior razão pela qual as empresas estão procurando por plataformas low code, é a possibilidade de aumento na entrega.

O backlog de TI está muito alto, são poucos profissionais no mercado para o tamanho da demanda. Além disso, há ainda a pressão por resultado, que tem sido a maior de todos os tempos. 

Isso ocorre, pois é comum encontrar grandes gargalos nas mãos dos departamentos de TI, que acabam demorando tempo demais em projetos grandes e complexos, tendendo a deixar outros planejamentos mais simples, ainda que impactantes, de lado.

Com o low code, são abertos espaços para que projetos menores e impactantes possam ganhar prioridade.

Outra razão observada para a adoção das empresas, é a possibilidade de preparação para o caso de aumento na geração e no fluxo de dados, que certamente ocorrerá no mercado ou no mundo por diversos fatores.

Quais são os benefícios do Low Code para as empresas?

São inúmeros os benefícios que o low code oferece às empresas que decidem trabalhar com a tecnologia.

Entre eles, é possível citar:

Maior flexibilidade

Em modelo tradicional, peças antigas costumam sofrer alterações em maior prazo, exigindo mais tempo para mudanças de código.

Em contrapartida, o low code oferece a flexibilidade e facilitação do processo, preenchendo novas peças com agilidade, de maneira modular e simplificada.

Outro grande diferencial a ser citado, é a possibilidade de integração a outros softwares já prontos, promovendo boa adaptação aos processos.

Maior velocidade

low code

O low code é considerado um otimizador, pois promove maior velocidade em processos com resultados ainda melhores.

Um exemplo claro, é a possibilidade de criação de sites e aplicativos em diferentes plataformas  e de maneira simultânea.

Além disso, também é possível citar a facilidade de manuseio a partir de modelos visuais de programação que poupam tempo e o uso de codificação manual.

Mais recursos e possibilidades

Desenvolvedores com grande experiência e tempo de mercado costumam ser pouco disponíveis, e por isso, acabam demandando valores altos de investimento por parte das empresas.

Sendo assim, o low code passa a ser uma alternativa a todos os negócios, tanto em pequena quanto em larga escala. 

Afinal, ele promove o aumento da contribuição de outros profissionais em diversos projetos, enquanto os devs mais experientes podem concentrar todo seu conhecimento em situações específicas.

Maior autonomia

Por ser considerado uma simplificação de processos de codificação, o low code permite que profissionais que não apresentam grande background técnico possam realizar projetos descomplicados.

Tudo isso, promove uma maior democratização dos processos, favorecendo as equipes de TI das empresas, que recebem auxílio no manuseio de outros profissionais, além da aceleração do processo dos próprios desenvolvedores.

Além da democratização, outra grande vantagem é a comunicação facilitada entre profissionais que não são de TI, já que o modo de colaboração é mais simples do que entender um código.

Vale a pena investir em uma plataforma low code?

Plataformas low code oferecem segurança, rapidez e menor investimento, e por isso, são grandes aliadas de empresas que procuram agilidade em seus processos.

Ficou interessado na metodologia e em como ela pode acelerar seu trabalho? Então olha só o recado que o Peter, nosso CTO e Co-fundador da Digibee mandou pensando em você, profissional de TI:

“Você, desenvolvedor, tem muita coisa para fazer. Para a empresa, tem sido cada vez mais difícil atrair talentos como você. Então, ter algo que te empurra, que te acelera, que ajuda você no dia a dia, permite que aumente o seu foco nas coisas importantes.

O resto, que pode ser automatizado de uma forma bastante inteligente, deixa com a Digibee porque a gente vai te acelerar.” 

Vem acelerar seu trabalho com a gente!

Clicando aqui, você pode agendar uma demonstração com a Digibee, plataforma low code e maior especialista em integração.

 

 

Share This